quarta-feira, 3 de outubro de 2012

NaNoWriMo - National Novel Writing Month

Queridos,
Estarei participando do NaNoWriMo (National Novel Writing Month) esse ano, e achei que podia ser bacana falar um pouco do projeto. Quem sabe alguns de vocês se animam, e a gente entra nessa juntos.
O NaNoWriMo, que acontece todo novembro desde 1999, é um evento em que milhares de pessoas ao redor do mundo todo piram e decidem escrever um romance de 50.000 palavras (coisa de 100 páginas) em um mês. Parece difícil, parece até meio bobo, mas quando você (como eu) está adiando escrever seu livro há tempos e já inventou todas as desculpas possíveis, ter esse estímulo de ser parte de um movimento mundial, ter uma meta pra cumprir e, às vezes, até amigos participando, pode ser o empurrão que você precisava pra correr atrás do sonho de ser escritor “de verdade”.
Como funciona: durante outubro inteiro você se empolga, bola a premissa, faz um esquema, planeja, e durante novembro inteiro você se mata de escrever. Sem revisar, sem se preocupar, apenas joga palavras no papel. No fim do mês, se nada der errado, você vai ter um bom e parrudo rascunho, que pode ser revisado e virar um romance completo, ou pelo menos um bom começo, um estímulo a produzir.
Até o fim de outubro eu postarei semanalmente aqui sobre os meus preparativos pessoais pro NaNoWriMo, e vou dar dicas de técnicas e ferramentas que for descobrindo. Se de repente vocês se empolgaram também, postem nos comentários e deixem um contato, quem sabe a gente não se organiza em um grupo.
Bora?

3 comentários:

  1. Achei interessantíssimo, Danieli! Nunca tinha ouvido falar do Projeto. Acho que todos os que se empenham em manter um blog literário já sonharam - continuam sonhando - escrever um livro. Já tentei algumas vezes, e o desânimo, o desestímulo contido na minha própria autocrítica me venceu. É um projeto desafiador! E, embora meu tempo esteja escasso, vejo-me bastante tentada a participar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o bom do nanowrimo é que ele te estimula a escrever sem autocrítica, despejar as palavras no papel pra DEPOIS revisar. pensa aí com carinho :).

      Excluir